Início > #luizangelotti > ”NOVO ANIME DE DRAGON BALL ESTREIA NO JAPÃO.

”NOVO ANIME DE DRAGON BALL ESTREIA NO JAPÃO.

dbzfilme

Foi anunciado hoje a estreia de uma nova série animada estrelada por Goku e seus amigos: Dragon Ball Super.

O novo anime vai ao ar a partir de julho, todos os domingos na TV Fuji, e em outros canais, às 9 da manhã.

A história se passará poucos anos depois da derrota de Majin Boo e colocará os guerreiros Z diante de um inimigo ainda mais poderoso que Freeza e Boo (jura?).

Akira Toriyama assina como criador original e responsável pelo conceito e personagens da nova produção – para evitar um novo “Dragon Ball GT” possivelmente :P.

Dirigido por Kimitoshi Chioka (que trabalhou em Zatch Bell!, Digimon Frontier e Os Cavaleiros do Zodíaco Ômega) a nova série já nasce com enorme expectativa de sucesso, pois os envolvidos na produção (como dubladores e o produtor Osamu Nozaki, da TV Fuji) afirmam que o negócio é a melhor coisa do mundo…

Fonte: Anime News Network

No Brasil…

Pra quem não sabe/lembra, Dragon Ball estreou no Brasil em 1996 no SBT, mas só teve os primeiros 60 episódios dublados pela finada Gota Mágica. Mesmo fazendo algum sucesso, o homem do Baú resolveu apostar o dinheiro das tiazinhas que pagavam suas prestações em dia em outros produtos (como a primeira versão da novela Chiquititas, em 1997). Curiosamente, ainda nos anos 1980, a série quase chegou por essas bandas junto com Jaspion e Changeman (!).

Em 1999, o Cartoon Network cagou pra continuidade da série e lançou Dragon Ball Z em sua programação – alavancando a estreia de diversos animes no canal no período. No mesmo ano, a Band começou a transmitir a série e a partir daí o negócio se tornou um gigantesco êxito comercial.

O sucesso era tão grande que a Rede Globo não marcou bobeira e arrebatou a série a partir da fase Boo e a estreou em 2001 no infantil Bambuluá, apresentado por Angélica (que graças a Deus não inventou de fazer clipzinho de divulgação como fez com Digimon -_-). Um ano antes, o mangá da série começou a ser publicado no Brasil pela Conrad Editora – revolucionando o mercado editorial em nosso país para sempre.

Ainda sem direitos para apresentar os episódios de 1 a 199 da fase Z, a Globo lança a primeira série de Dragon Ball em 2002, transmitindo-a por completo pela primeira vez – mas cheia de cortes e “suaviações”. Essa série só viria a ter uma apresentação decente em 2006 (!) no Cartoon Network.

Antes disso, tanto a Globo quanto o próprio Cartoon já tinha levado ao ar todos os episódios de Dragon Ball GT.

Vale lembrar que nesse período, Dragon Ball teve vários filmes lançados em VHS (nas bancas), transmitidos fora de ordem na TV, alguns exibidos no cinema, além de um monte de produtos despejados no mercado – especialmente o pirata…

Em 2009, uma atrocidade chamada Dragon Ball Evolution dá o ar de sua graça nos cinemas de todo mundo, mostrando um “olhar americano” da história de Akira Toriyama. Mesmo sendo muito ruim, o filme colocou a marca em evidência em toda mídia do planeta.

Reprises e mais reprises do anime se sucederam até que uma “novidade” veio em 2011: Dragon Ball KAI estreia no Cartoon Network. O “remake” em HD deu o que falar por vários motivos: primeiro o sinal do Cartoon em HD ainda não era apresentado (rs), depois a dublagem teve troca de vozes e por fim o negócio ainda veio direto dos EUA – que modificaram várias coisas sem a menor necessidade.

Essa versão “bugada” chegou a ser lançada em DVD pela PlayArte e se transmitida pela Band (em 2012). Vale lembrar que a Band conseguiu da Globo a fase GT e a estreou em um horário ingrato (14:15h) sem transmissão nacional no mesmo ano. Em DVD, a PlayArte lança a “série original”, mas como tudo que a PlayArte se destina a lançar com muito episódios (com exceção de CdZ), o material foi descontinuado…

Em 2012, a Editora Panini relança Dragon Ball no mercado, adotando o formato original – ignorado pela finada Conrad.

Mesmo com toda essa zona, Dragon Ball Z: A Batalha dos Deuses estreou em circuito nacional em 2013 e levou milhões aos cinemas.

A partir de 1º de janeiro de 2014 o canal pago Tooncast (que pertence a Turner, mesma dona do Cartoon) passou a exibir a série clássica de Dragon Ball e esta vai ao ar até os dias de hoje – com alguns hiatos de apresentação.

Os episódios da fase Boo de Dragon Ball Z Kai já estão disponíveis no Brasil mas nenhuma emissora se coçou para comprar e transmitir.

Por fim, em 18 de junho teremos a estreia de Dragon Ball Z: O Renascimento de Freeza nos cinemas de todo país, com distribuição da Fox.

Anúncios
Categorias:#luizangelotti
%d blogueiros gostam disto: